top of page
  • Foto do escritorCINEMA ALDEIAS TABAJARA

IV ENCONTRO DAS NIARAS – O protagonismo da mulher indígena na luta pelo território: não ao Marco Temporal



É com grande entusiasmo e determinação que anunciamos que o IV ENCONTRO DAS NIARAS está prestes a tomar vida, trazendo à frente o forte protagonismo da mulher indígena na luta incansável pela preservação do seu território ancestral e na batalha contra do Marco Temporal. O evento se realizará na data de 02 de setembro de 2023, a partir das 9h, na Aldeia Vitória. Comunidade da Mata da Chica, zona rural de Conde/ PB. Sob o lema "Não ao Marco Temporal!", o IV Encontro das Niaras é uma demonstração vibrante da união e determinação das mulheres indígenas Tabajara em resistir as ameaças que comprometem suas raízes culturais e a integridade de seu território . O evento será uma plataforma para vozes fortes e corajosas que se levantam contra injustiças e reivindicam a proteção de seus modos de vida tradicionais, como também reafirma a importância de se opor ao marco temporal e a outras medidas que ameaçam a herança indígena. 


A Aldeia Vitória, símbolo de história e tradição, será o palco inspirador onde as Niaras mulheres em busca de seus objetivos, guerreiras e guardiãs de suas culturas, se reunirão para compartilhar conhecimentos, vivencias O IV Encontro das Niaras transcende as barreiras geográficas e culturais, unindo mulheres de diferentes comunidades em uma rede de solidariedade e empoderamento.  Na Programação teremos: palestras, ritual  do Toré, Artesanato, Pintura, Feira gastronômica, Jogos  e Praticas Terapeuticas Tradicionais.


No dia 02 de setembro, a partir das 9h , a Aldeia Vitória acolherá mulheres indígenas, líderes comunitárias, militantes, defensoras dos direitos humanos e todos que desejam apoiar a causa. Juntos, reafirmamos nosso compromisso de lutar contra qualquer forma de opressão sobre a identidade e os territórios indígenas. Venha fazer parte deste momento histórico de resiliência e união!


Autores deste verbete: Laura Lujan Ausilio Diniz

0 visualização0 comentário

Comments


bottom of page